quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Sobre a menina, as dúvidas e o trem!


Lá vai ela... A menina que tenta se descobrir, que tem medo da própria coragem e que espera muito do futuro, embora tema seus desdobramentos. A menina que enterrou tesouros no passado, que sabe onde estão, mas teme buscá-los e não ser capaz de voltar. Lá vai ela... A menina que cresceu e esqueceu-se de parar de sonhar; que confessa ser exagerada, que ama a vida, que está cheia de dúvidas e que luta para manter a fé. A menina que está viajando há um bom tempo, mas só agora começa a se perguntar: “Será que tomei o trem certo?” Ela tem medo de olhar para a janela e descobrir que o cenário não é o que sonhou. Por isso fecha os olhos e imagina que lá fora tudo está lindo. As montanhas com seus picos congelados, os rios à beira dos trilhos, as pequenas vilas perdidas no meio do nada. Lá vai ela... Em busca de si mesma. Um dia abrirá os olhos e só aí saberá se tudo isso realmente lhe valeu a pena. Continue esta viagem e tomara que as próximas estações lhe revelem um pouco mais do seu caminho.

Thiago Mendes


Visitem: www.facebook.com/thiagomendesbrasil 

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Sobre o guerreiro de alma transparente!


O Soldado da Paz tem a alma transparente. Mesmo com todas as dificuldades ele segue distribuindo seu amor. Já sofreu com ele, mas estes sofrimentos não foram capazes de fazê-lo desistir. O Soldado da Paz já teve seus motivos para mudar a direção, mas preferiu manter-se firme no que sabe ser a sua porção aqui nesta vida. O guerreiro já chorou sozinho, já pediu a própria morte e ela não veio, já sentiu que seus inimigos comiam ali, no prato em que ele servia, mas mesmo assim não correu o risco de ferir inocentes. Continuou acreditando que as pessoas podem mudar e tentando provocar nelas estas mudanças tão necessárias. Algumas delas foram capazes de ouvir seus corações e aceitaram a direção. Outras preferiram ouvir seu orgulho e deixaram o bom combate. O Soldado da Paz não se sentiu culpado. Sabe que cada um escreve o seu destino. 

Thiago Mendes

Sobre não impedir a luz que há em nós!


A Mulher de Fé já teve medo de terminar só. Por muitas vezes se sentiu insegura, pensou que estava atrapalhando a vida de outras pessoas e por mais que recebesse carinho e palavras de conforto, seu coração permanecia inseguro e cheio de dúvidas. “Não mereço ninguém”, dizia para sua alma. “Sou incapaz de fazer qualquer pessoa feliz”. Depois de caminhar pelo quintal, sentir o vento em seu rosto decaído e de fazer mil perguntas para si mesma, sua alma finalmente fala. “Você não precisa fazer nenhum esforço. Seja você mesma, permita-se iluminar o caminho por onde passa. Não impeça seus raios de luz, eles não naturais. Há coisas que você não precisa provocar. Apenas não as impeça”. Neste momento a Mulher de Fé sente que sua alma fica em paz. A partir de agora irá permitir que sua luz brilhe sem empecilhos. 

Thiago Mendes

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Sobre esperar os seus milagres com paciência!


O Soldado da Paz aprendeu a esperar os seus milagres com paciência. Quando se sente ansioso e inseguro, lembra-se de todas as vezes em que foi milagrosamente sustentado. Sua vida é um grande milagre. Por muitas vezes esteve em situações difíceis e todas elas tiveram um final feliz. E agora, olhando para trás, nem se lembra mais de como havia superado tudo. “Não importa”, diz para si. “Se já vencemos tantas batalhas no passado, certamente venceremos todas que nos aguardam no futuro.” Neste momento o guerreiro decide voltar aos treinamentos. Pega novamente a sua espada e vai afiá-la. Nem imagina quando um novo combate irá acontecer, mas sabe que quando vier precisará estar pronto para enfrentá-lo. Enquanto isso estará esperando os seus milagres.

Thiago Mendes

domingo, 26 de janeiro de 2014

O poder da palavra favorável de Deus!




Neste domingo (26), o pastor e escritor Thiago Mendes esteve com sua equipe na Igreja Presbiteriana Renovada, no Jardim Novo Mundo em Goiânia e falou sobre uma palavra favorável de Deus. “Tudo o que temos que ter é uma palavra favorável de Deus em nossas vidas. Quando ele libera uma palavra nada pode impedir o milagre”, explicou. A igreja que é liderada pelo Pr Expedito foi completamente tomada pela unção de Deus. Uma noite muito especial. Após o culto Thiago Mendes assinou livros e tirou fotos com leitores.







sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Sobre sexo sem amor e comida sem sabor!


A vida, em seus âmbitos mais gerais, tem estado vazia como nunca. Viver sem verdade é como fazer sexo sem amar, como comer e não sentir sabor, como abraçar e não se aquecer, como dançar sem que haja música. Nunca fomos tão rasos, indiferentes e superficiais em nossas relações. Somos capazes de viver por anos ao lado de uma pessoa sem perceber as suas necessidades mais públicas e óbvias. O problema é que não olhamos mais nos olhos uns dos outros. Preferimos falar de nós mesmos e de nossos triunfos a ouvir o que o outro tem a nos dizer. Passamos em branco. Enquanto isso a vida está passando. Tomara que acordemos antes que seja tarde e tudo tenha passado definitivamente. 

Thiago Mendes

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Sobre repensar e reescrever as nossas vidas!


A tristeza é o pão amargo daqueles que não são capazes de reescrever o cenário. As coisas mudam em nossas vidas. E quando mudam para pior, é preciso se readaptar às novas realidades. Uma perda, uma decepção, uma doença, um trauma, uma necessidade, uma separação. Nunca sabemos o que nos aguarda. Isso é maravilhoso. Isso é assustador! O mundo vai girando, a vida vai mudando, e a verdade é que nós só seremos capazes de ser felizes se formos, também, nos readaptando a estas novas realidades que nascem com cada dia. A questão é simples: ou mudamos e aprendemos a ser felizes com os novos cenários, ou passamos a vida chorando nosso passado. Vale a pena mudar, reescrever, rever as amizades, reconstruir a rotina, repensar nossos valores e até se nossas prioridades realmente valem à pena. Às vezes gastamos tempo, vida, dedicação e amor com coisas e pessoas que não nos merecem tanto assim. Pense, talvez tenha chegado a hora de você construir novos castelos ou pintar novos horizontes para ser feliz. 

Thiago Mendes

Aruanã: Thiago Mendes fala a pastores de líderes evangélicos da cidade!

O escritor Thiago Mendes esteve no último final de semana (18 e 19), novamente na cidade de Aruanã, onde deu palestra no 1º Simpósio realizado pelo Conselho de Pastores e Líderes Evangélicos da cidade. O evento que aconteceu durante todo o domingo (19), na Câmara de Vereadores, contou com a presença de dezenas de pastores e líderes das mais variadas denominações. À noite Thiago Mendes ministrou na igreja Assembléia de Deus Missão. 

















terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Sobre lançar as flechas velhas fora!


Às vezes o arqueiro sobe no alto das muralhas apenas para apreciar a paisagem. Ali ele observa o infinito e conversa com seu anjo. “Lance fora as flechas que não servem mais para o combate. Elas estão ocupando espaço e gerando peso desnecessário”, diz o guerreiro celestial. O arqueiro parece não concordar. “Estas flechas foram importantes em meu passado e, embora algumas estejam tortas e quebradas, me ajudaram a vencer combates difíceis.” O anjo volta a falar: “Há muitas coisas em nosso passado que foram importantes, mas que hoje só servem para ocupar espaço. Armas velhas impedem que recebamos armas novas”. Neste momento o arqueiro vai tirando cada uma das flechas e disparando ao infinito. Sente que o peso diminui. Sente que o caminho para novas armas está aberto.

Thiago Mendes

segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Sobre o caminho da luz!


O Soldado da Paz sabe ouvir a voz do silêncio. O Soldado da Paz sabe curtir a solidão sem ficar triste. O Soldado da Paz reconhece a importância de um amigo verdadeiro. O Soldado da Paz sabe controlar seus impulsos e seus momentos de crise. O Soldado da Paz acredita nas forças espirituais. O Soldado da Paz reconhece o poder da fé. O Soldado da Paz não teme a escuridão, mas se preocupa com sua escuridão pessoal. O Soldado da Paz está seguindo o caminho da luz. O Soldado da Paz tem suas dúvidas, mas não permite que elas sejam pedras em seu caminho. O Soldado da Paz às vezes se irrita e chateia, mas não permite que estes sentimentos criem raízes em seu coração. 

Thiago Mendes

Sobre graça, amor e gratidão!


Senhor, eu não tenho palavras para agradecer tanta graça e tanto amor. Cobriste-me com Teu cuidado, levaste-me longe - a lugares que jamais imaginei chegar. As portas abertas, as pessoas que colocaste em meu caminho, as luzes que brilharam em minha mente. Há meu Senhor, só posso dizer “eis-me aqui”, e isto, não pelo que me destes, mas pelo que Tu és. Sua mão sempre estendida, o zelo de pai, a presença que afaga e pacifica a alma e a esperança que se renova a cada manhã. Sei meu Senhor, que até o desejo pelo sagrado não vem de mim, mas de Ti, que constantemente me chama, me empurra e me atrai. Sei que meu tudo aos Teus olhos não é nada, mas meu nada Lhe dou para que me uses em tudo que quiseres. Que a Sua vontade seja feita aqui na terra como no céu. Amem. 

Thiago Mendes

quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Sobre aquelas perguntinhas!


A Mulher de Fé está sempre cheia de perguntas e nunca deixou de levar consigo as suas muitas incertezas. Às vezes tem medo de arriscar e perder tudo, às vezes tem medo de não arriscar e acabar não vivendo nada. Sua alma pede colo, abraço forte e um bom perfume. Seu corpo quer cama, muito prazer e bons ares para respirar. Enquanto isso seu espírito deseja apenas uma prece, bons conselhos e alguma leitura que o ilumine e lhe dê direção. Esta não é a primeira vez que a Mulher de Fé se enche de dúvidas. Em alguns momentos sentiu-se só, teve medo do amanhã, duvidou da bondade da vida e de seus sentidos, não esperou nada do novo dia a não ser o sol e seus problemas. Hoje as interrogações voltaram, mas a Mulher de Fé sente-se mais forte que antes. Irá se levantar mais uma vez e tomar a decisão que sabe - lhe ajudará a produzir novos frutos para si e seus amores.

Thiago Mendes


Diário de um Soldado, edição 17/01/14 - sexta-feira. Compartilhe: www.facebook.com/thiagomendesbrasil

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Curta a página oficial do escritor Thiago Mendes:
www.facebook.com/thiagomendesbrasil

Sobre dilemas e virtudes!


A vida é linda. Só olhos muito desatentos não podem ver a constante chuva de bênçãos que nos encharcam a cada manhã. Os presentes não param de chegar. Às vezes eles vêm de maneira quase irreconhecível, vestidos em trajes de problemas, disfarçados de conflitos e coisas aparentemente impossíveis de se resolver. Mas é no desdobrar do tempo que estes presentes ganham forma e se transformam em nossas maiores bênçãos. Fique de olhos abertos. Seus dilemas estão se transformando em virtude. Sabe estas circunstâncias que hoje parecem roubar todo o sentido da sua vida? Pois é, são justamente elas que se transformarão em suas mais belas histórias. Espere com paciência e seus maiores dilemas serão também as suas melhores virtudes. 

Thiago Mendes

terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Sobre as nossas péssimas boas intenções!


O Soldado da Paz não avalia uma pessoa pelas intenções que ela diz ter. O guerreiro sabe que há um mundo inteiro de boas intenções que não são capazes de fazer bem algum para a vida. “Atitudes sempre valerão mais que intenções”, ouviu quando criança. E decidiu guardar estas palavras em seu coração para sempre. Já percebeu que as pessoas que prometem mais, são aquelas que menos realizam. Uma boa palavra sempre é bem vinda, mas as maiores transformações acontecem quando as bocas se calam e as mãos se movem. Há muitos mestres do falar que propõe soluções para todos os problemas do mundo, mas que não são capazes de resolver nem os seus próprios. Pense nisso.

Thiago Mendes

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Sobre o tempo e o perdão!

Ouvi dizer que suas feridas estão sangrando novamente. Não tenho muitos remédios, mas os que ainda me restam também são teus. Digo apenas que é impossível prosseguir sangrando. Se continuar assim, cada passo será uma milha em direção a morte. Ter um momento para curar as feridas é tão importante quanto o golpe mais decisivo para se vencer a batalha. Nada é tão danoso quanto um guerreiro ferido em combate. Sei que de todos os dardos do inimigo, o mais envenenado deles, é o da acusação. Nada como o tempo e o perdão! Lembre-se: o tempo muda o cenário. O perdão muda a condição. Vire a página. A vida tem novidades apenas para aqueles que decidiram olhar para frente. Voltar ao lugar da ferida é ferir-se outra vez. Não alimente a vingança, perdoe a si mesmo e o tempo dirá que estou certo. Melhoras.

Thiago Mendes

domingo, 12 de janeiro de 2014

Sobre rotina, felicidade e aprendizado!

Jávier, o aprendiz, está tirando água do poço quando Álih, seu guia, se aproxima. O jovem parece cansado. “Sinto-me entediado e confuso”, diz enquanto gira a manivela do engenho de água. “O que está havendo?”, o guia tem o tom tranquilizador de sempre. “Temos repetido as mesmas tarefas todos os dias, há pouca evolução espiritual. Penso que se tivéssemos uma variedade maior de atividades, eu aprenderia mais rápido”.O velho pigarreia. “Vou te fazer uma pergunta: você está aqui na beira do poço por causa da água ou do balde e da corda?” “Da água”, disse. O velho volta a falar. “Então tudo é novo. O verdadeiro sábio é aquele que aprende a perceber os detalhes da rotina. Não existe repetição. Se está aqui pela água, lembre-se: ela não é a mesma, nunca foi. Evoluir espiritualmente nem sempre significa aprender um número maior de coisas. O mais importante é praticar o que já sabe. E é nesta aparente repetição que evoluímos.” O guia se levanta e deixa o rapaz que continua girando a manivela. Ele não disse mais nada, mas aprendeu algo importante: sea água nunca foi a mesma, tudo é novo. 


Thiago Mendes

quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Sobre o meu grito particular!


Recebi vários e-mails esta semana de leitores se dizendo preocupados com os textos “pós-recesso”. “Muito oprimidos”, disse um. “Exageradamente emocionais”, lembro-me de outro. “Preserve melhor sua imagem, é um escritor respeitado”, aconselhou alguém. Refleti com carinho e respeito a cada uma das manifestações. Talvez eu exagere mesmo em alguns momentos, mas penso que é justamente por isso que tantos estão se identificado com o “Diário de um Soldado”. Aqui é meu grito, meu repouso, descanso enquanto penso no que direi a vocês hoje. Então, por favor, permitam-me gritar e não se sintam ofendidos com minha nudez. Perdoem-me os confessos exageros, mas não tentem abafar os meus gritos que, sabem são sinceros. É aqui, na simplicidade destas linhas, que eu e tantos, temos conseguido nos encontrar e encontrar forças para prosseguir. Continuem me escrevendo. Que Deus nos dê paz e coragem para continuar. 

Thiago Mendes

quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Sobre a caravana da vida!


Um dia alguém nos chamou para fazer parte da caravana da vida. Não nos lembramos de ter dito sim, mas estamos aqui e temos muitas dúvidas. O cenário é estranho: a areia, os camelos enormes, as crianças correndo e gritando na frente do comboio. “Para onde estamos indo, afinal?”, pergunta o rapaz de olhos vivos e curiosos. A multidão está indiferente. Apenas uma mulher com aparência solitária e cansada parece ter ouvido. “Não faça perguntas rapaz, apenas continue caminhando”. As pessoas parecem perdidas. “Ninguém aqui questiona nada?”, retruca. “É mais fácil seguir o comboio”, responde a mulher que agora caminha para o meio da multidão e desaparece. “Tenho muitas perguntas”, grita ele. Ninguém ouve. Estão ocupados demais seguindo o comboio. A multidão concentrada se mantém em silêncio. “Alguém aí tem certeza de que é este mesmo o caminho certo? Aonde tudo isso vai nos levar?” Ele desiste e também se cala. Seguirá o comboio em silêncio. Descobriu que talvez as respostas estejam no caminho, não nas pessoas. 

Thiago Mendes

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Sobre a mulher de fé!


Ela busca segurança e quer se sentir protegida, mas odeia a ideia de uma vida sem perigos e emoções. Busca estabilidade, mas ama surpresas. Gosta de ter um dono, mas por muitas vezes já lhe passou pela mente o desejo de poder voar sem pesos. Ela é simples, meiga, incapaz de qualquer maldade, mas já planejou tantas bobagens que duvida da própria inocência. Ela é alegre, gosta de sorrir, de falar sobre assuntos sem importância e espera que o amanhã produza mais sentidos que seu hoje. Ela sabe que sua vida jamais irá virar história de livros ou tema de novelas, mas nem por isso se sente menos importante. Gosta da vida simples, do quase anonimato e da certeza de estar sendo assistida pelo menos por aqueles que ela mais ama. Isto basta.

Thiago Mendes


Diário de um Soldado, edição 08/01/14 - quarta-feira. Compartilhe: www.facebook.com/thiagomendesbrasil

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Sobre desejos e necessidades!


Nunca estivemos tão cheios de coisas pra fazer e ao mesmo tempo tão vazios de sentidos verdadeiramente importantes. Aqui estamos nós: ocupados e vazios. Abastados e insatisfeitos. Sorridentes, mas não felizes. Famintos com as prateleiras abarrotadas de vaidosas variedades. Seguimos sem chão, esperando que o vento traga ar e refrigério à nossa alma. E ela, nunca antes tão acariciada, também jamais esteve tão carente, quase em estado de mendicância emocional. Aflição. Nunca tanta culpa por fazer muito levando apenas os resultados de quem parece não estar fazendo nada. Reflexos de uma vida sem Deus, sem limites, sem prioridades que incluam nossos lados espirituais. Alimentamos a alma e esquecemo-nos do espírito. Alimentamos nossos desejos, esquecemo-nos de nossas necessidades. Continuamos gastando vida com aquilo que não é pão. Sim, ainda há tempo para retornarmos, mas este não é um caminho fácil, pois será preciso abandonar o desejado em razão do necessário.

Thiago Mendes


Diário de um Soldado, edição 07/01/14 - terça-feira. Compartilhe: www.facebook.com/thiagomendesbrasil

domingo, 5 de janeiro de 2014

Ministração na Batista Apostólica!

No último domingo, (05) de janeiro, nossa equipe esteve na Igreja Batista Apostólica em Goiânia. O pastor e escritor Thiago Mendes falou sobre "O Milagre Favorito de Deus". Veja fotos:

















Sobre a vida e o momento!

Tudo nessa vida é emprestado, usual, casual, transitório, passageiro, efemeramente temporal, enfim - somos inquilinos prestes a sermos ...