segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Sobre desejos e necessidades!


Nunca estivemos tão cheios de coisas pra fazer e ao mesmo tempo tão vazios de sentidos verdadeiramente importantes. Aqui estamos nós: ocupados e vazios. Abastados e insatisfeitos. Sorridentes, mas não felizes. Famintos com as prateleiras abarrotadas de vaidosas variedades. Seguimos sem chão, esperando que o vento traga ar e refrigério à nossa alma. E ela, nunca antes tão acariciada, também jamais esteve tão carente, quase em estado de mendicância emocional. Aflição. Nunca tanta culpa por fazer muito levando apenas os resultados de quem parece não estar fazendo nada. Reflexos de uma vida sem Deus, sem limites, sem prioridades que incluam nossos lados espirituais. Alimentamos a alma e esquecemo-nos do espírito. Alimentamos nossos desejos, esquecemo-nos de nossas necessidades. Continuamos gastando vida com aquilo que não é pão. Sim, ainda há tempo para retornarmos, mas este não é um caminho fácil, pois será preciso abandonar o desejado em razão do necessário.

Thiago Mendes


Diário de um Soldado, edição 07/01/14 - terça-feira. Compartilhe: www.facebook.com/thiagomendesbrasil

Nenhum comentário: