domingo, 12 de janeiro de 2014

Sobre rotina, felicidade e aprendizado!

Jávier, o aprendiz, está tirando água do poço quando Álih, seu guia, se aproxima. O jovem parece cansado. “Sinto-me entediado e confuso”, diz enquanto gira a manivela do engenho de água. “O que está havendo?”, o guia tem o tom tranquilizador de sempre. “Temos repetido as mesmas tarefas todos os dias, há pouca evolução espiritual. Penso que se tivéssemos uma variedade maior de atividades, eu aprenderia mais rápido”.O velho pigarreia. “Vou te fazer uma pergunta: você está aqui na beira do poço por causa da água ou do balde e da corda?” “Da água”, disse. O velho volta a falar. “Então tudo é novo. O verdadeiro sábio é aquele que aprende a perceber os detalhes da rotina. Não existe repetição. Se está aqui pela água, lembre-se: ela não é a mesma, nunca foi. Evoluir espiritualmente nem sempre significa aprender um número maior de coisas. O mais importante é praticar o que já sabe. E é nesta aparente repetição que evoluímos.” O guia se levanta e deixa o rapaz que continua girando a manivela. Ele não disse mais nada, mas aprendeu algo importante: sea água nunca foi a mesma, tudo é novo. 


Thiago Mendes

Nenhum comentário: