terça-feira, 20 de agosto de 2013

Sobre os seus motivos e as minhas razões!

Dê-me um bom motivo e eu lhe darei a minha vida. Dê-me uma razão para sonhar e irei contigo até as últimas consequências. Não me puxe, nem me empurre - me convença! Não fui programado para receber ordens, mas aceito de bom grado as suas lições, caso entenda que elas sejam verdadeiramente boas. Não adianta usar os meus medos a fim de me convencer. Sou sábio demais para ser levado no bico e tolo demais para ser levado na força. Desperte-me, faça-me acreditar, mostre que valerá a pena e nunca mais terá que me convencer de absolutamente nada. Sou fácil como um sentimento e difícil como uma decisão. Sou leve como uma pena, intransportável como uma montanha. Eis-me aqui. Usa-me como quiser, mas desde que me convença de que este suor jamais será derramado em vão.


Thiago Mendes

Nenhum comentário: