sexta-feira, 30 de maio de 2008

SOLDADO DA PAZ: VIDA, MORTE - É RAPIDINHO, MAS É ETERNO.



Um Soldado da Paz, jamais se sente só. No meio de uma batalha, quando está com os companheiros carregando a espada, sente a proteção de cada um. E quando está na tenda, na solidão da noite também sabe que não está só. Sim, o Universo lhe faz companhia. Um Soldado da Paz não teme nem a vida nem a morte; está sempre preparado para as duas coisas. Na verdade cada pessoa que luta sobre o chão da vida deve estar sempre preparado, afinal para quem está no campo de batalha, a morte é sempre uma opção mais que real. O Soldado da Paz, jamais cai no erro de imaginar que a eternidade já chegou, por isso, vive-se sempre grato pelo que já foi, feliz com o que se tem e na espera do tem certeza que ainda virá, e assim, a vida segue, cheia de certas incertezas, construindo-se uma vida que não se sabe, jamais se poderá ser habitada.

Pense nisso,

Thiago Mendes

Um comentário:

disse...

A certeza da morte nos torna ávidos pela vida... isso muitas vezes nos faz tropeçar, por andar correndo na loucura de querer viver e sentir tudo ao mesmo tempo!
Mas é no tropeço, nas quedas, que inevitavelmente iremos ter, que aprendemos a levantar e a olhar pro alto. E ter a certeza de que nunca estamos sozinhos...