sábado, 27 de novembro de 2021

A mão do ferreiro!

Eu já tomei muitas decisões erradas na vida. Errei em escolhas, priorizei o que é banal e tratei com desprezo ao que deveria dar valor. Já interrompi bons projetos por ansiedade, perdi relacionamentos importantes por imaturidade e fui covarde em momentos que pediam confronto. Mas hoje, já amarrotado pelo tempo, sinto refrigério, uma paz que não lamenta e compreende que, juntando os cacos de todas as vidas que vivi até aqui e - por mais equivocadas que algumas delas tenham sido, percebo que tudo valeu a pena. Você e eu não fomos criados e sim forjados – exatamente como o ferreiro que, com uma mão segura sua matéria-prima expondo-a ao fogo e com a outra bate dando-lhe a forma que deseja. Esses processos doem, mas foram eles que nos trouxeram até aqui e são eles que hão de nos levar até onde precisarmos ir.

Thiago Mendes

Nenhum comentário:

Mudança!

Quando você se posiciona, o mundo reage. Quando você faz escolhas mais firmes, se mostra independente em sua maneira de pensar e passa a ele...