quarta-feira, 12 de maio de 2021

Saudades!

 

Eu sinto saudades de você. Saudades daquela sua cara lerda que misturava mistério e ternura; intimidade e segurança... Saudades daqueles momentos só nossos - espalhados na cama em silêncio apenas curtindo a presença um do outro, ou falando sobre coisas sem sentido, outras vezes fazendo planos de um futuro que, sei que é estranho dizer isso, mas acho que talvez tenhamos alcançado rápido demais. Os nossos sonhos tornaram-se realidade e isso parece ter, de alguma maneira, nos afastado um do outro. Sei que hoje temos bem mais do que imaginamos, que está feliz com o caminho que construiu, enfim. Você segue irresistivelmente bela, empoderada, segura, e gosto de vê-la assim. Mas sinto saudades. Das ideias mirabolantes, das besteiras que ainda comíamos e “falávamos”, dos meus gritos que misturavam impaciência e amor de “anda logo pelo amor de Deus”, em suas eternas maquiagens. Tornamo-nos prósperos e técnicos. Íntimos e frios. Me desculpe. Escrevi apenas para dizer que sinto saudades de você.

Thiago Mendes

Nenhum comentário:

Evolução espiritual!

Ajuda-me a errar menos, Senhor. Que eu tenha passos mais equilibrados e que seja capaz de medir, cautelosamente, cada uma das minhas ações a...