quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Sobre a fé!

Todos nós perdemos fôlego e forças em algum ponto da jornada. Mesmo que estejamos bem resolvidos nas dimensões da alma e do espírito – em alguns momentos somos tentados a deixar o bom combate. “Se tu és mesmo um dos filhos de Deus, manda que estas pedras se tornem em pães”, diz o adversário em tom irônico. Nossa alma faminta geme. Nossas convicções firmes nos empurram adiante. Mais alguns passos. Mais algum tempo. Mais alguns anos. E aí, lá na frente, afirmaremos: “combati o bom combate, completei a carreira, guardei a fé”. Quando falta fôlego e ânimo acionamos a fé e é ela que nos dá forças para seguir adiante.

Um comentário:

Renata Cristovam disse...

Lindo e verdadeiro. ...