quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Sobre os anos que se foram!

Eu já fui de tudo nesta vida. Até feliz. Vi os melhores anos passarem ininterruptos, como aquele trem que busca seu destino sem que possa ser impedido. E passou. Os sonhos que não vingaram, os bons amigos que se foram, os dias que passaram ligeiros. Vejam só! Já é noite. “Feche os olhos, meu filho. Sonhe com os anjos. Durma com Deus”. Mas o próximo dia não vem. A mesma noite se arrasta por anos. Não há lugar para repouso, meu corpo pede descanso e minha alma busca paz. É! Eu já fui de tudo nesta vida. Até feliz. Pena que eu não sabia.

Nenhum comentário: