quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Sobre duelos e duetos!


Todo Soldado da Paz prefere fazer um dueto, mas entende que a vida também é feita de duelos. Em nossos relacionamentos mais íntimos os duetos aparecem afinados, zunindo de forma agradável aos ouvidos daqueles que dividem conosco espaço nesta vida; mas de vez em quando somos tentados a partir para os duelos: os beijos viram tapas, os abraços empurrões, os elogios se transformam em ignóbeis palavrões. E a canção parece pender para um completo desastre de desafinações. Mas pouco a pouco as vozes vão se casando novamente, e os tapas viram beijos, os empurrões viram abraços e os palavrões se transformam em carinhosos elogios. Quem carrega a espada entende que nenhuma vida pode ser feita apenas de duetos, seria tediosa demais esta cantiga! Mas se a vida fosse apenas duelos, ninguém suportaria chegar ao fim desta canção. Duelos e duetos, em que tom você está cantando hoje?


Thiago Mendes

Nenhum comentário: