segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Um dia de descanso


Um bom Soldado da Paz se cansa, mais vê o cansaço apenas como a hora que o corpo diz que é momento de parar um pouco e guardar energias para a luta de amanhã. O Soldado da Paz vigilante é aquele que luta com garra, ama com paixão, sorri com graça, chora com desespero; ou seja, que vive cada momento como o momento pede que se viva. Mais nada é tão sério assim para o Soldado da Paz, a não ser a certeza que ele tem de que a missão será cumprida.

“O fato de eu me sentar um pouco agora, não quer dizer que amanhã não estarei novamente com a espada na mão olhando em direção ao deserto”.

Boa semana pra você,

Thiago Mendes

Nenhum comentário:

Estou tentando aprender a ser grato a todo mundo.

Quem me perseguiu, fez-me mais astuto. Quem me humilhou, tornou-me mais humano ao experimentar a dor da vergonha. Quem não me assistiu, ...