quarta-feira, 29 de abril de 2009

A Igreja e a Torre


A História da Igreja é a repetição demorada da construção da Torre de Babel. O que é Babel a não ser a tentativa humana de se achegar a Deus? E é isso que o Cristianismo Histórico fez no decorrer dos anos: tentou criar degraus, escadas, meios, torres e elevadores, a fim de conduzir os homens fracos e de consciência fragilizada ao Reino dos Céus. “O Homem só pode conduzir outro homem ao reino dos homens ou ao inferno”.

A História da Igreja acusa cada pastor, ou padre, bispo, pregador de ir colocando seus próprios tijolos na construção já pronta, realizada na Cruz do Calvário e toda tentativa humana de salvação é Babel, é Papel.

Cada um foi construindo ao longo dos anos com seus credos, seus modos seu crer, um modo diferente de ver, de compreender e de viver o Evangelho puro do nosso Senhor.

Quando pensamos na Primitiva, pensamos não em começar algo novo, um modo novo, muito pelo contrário, queremos apenas ensinar a Palavra como ela é, sem nossos modos e manias tradicionais, pentecostais, neo-pentecostais, avivados; não queremos ser nada além daquilo que a Palavra sempre foi. Em resumo, tudo que desejamos é viver um Cristianismo á moda antiga. Nossa Igreja modelo é a Primitiva.

Na fé,

Pr Thiago Mendes

Nenhum comentário: