sábado, 11 de outubro de 2008

O velho sábio, o menino apressado e o caminho mais curto...



Outro dia minha esposa, pastora Fran, fez um comentário enquanto passeávamos de carro: “Meu avô dizia que se atalho fosse bom não existiria volta”, disse ela motivada por um caminho errado que pegamos. Aí brincando eu disse, com ar gracejador: “O velho sábio não procura os caminhos mais curtos e sim os melhores caminhos”. Foi uma risada só e ela brincou dizendo que eu estava super-inspirado...

E agora passo a voz dizer, nem tão mais, nem tão menos inspirado:
O menino apressado procura chegar ao seu destino, o velho sábio aprecia as curvas que o caminho lhe propõe e dá cada passo como se já tivesse chegado ao lugar para onde vai...
O menino apressado sai correndo tentando chegar à frente, enquanto isso o velho sábio senta-se para vislumbrar a beleza de algum vale lá embaixo, não pensando em chegar à frente, mais pensando apenas em chegar.
O menino apressado corta etapas. O velho sábio cumpri cada etapa como sendo essencial no seu caminhar.
O menino apressado só se lembra que terá que usar o mesmo caminho para voltar quando chega ao seu destino, o velho sábio já sai tendo consciência que usará a mesma estrada para voltar, mais ele conhece o caminho, a paisagem o levará de volta, e assim o velho terá que dar carona para o pobre menino apressado, que se souber aproveitar, aprenderá a viver, mesmo que apenas neste caminho chamado de volta.

Que possamos aprender ainda na ida.

Receba meu carinho, sem pressa,

Thiago Mendes

Um comentário:

Lorena disse...

Olá Pastor Thiago! é sempre bom visitar o seu site, pois com ele aprendo muitas coisas sobre a vida! E neste momento aprendi a como seguir o caminho certo, sem pressa!
Que a unção de Deus continue sobre você! Abraços