terça-feira, 22 de março de 2022

Cansei!

O que cansa não é trabalhar muito, é trabalhar sozinho. Você se esforça, corre atrás, faz de tudo para construir uma vida, mas a pessoa ao seu lago age de forma coadjuvante, preguiçosa, irritante e desanimadora. Você se acaba enquanto o “outro” assiste às suas angústias de camarote e ainda ironiza o que ousa chamar de “inquietações desnecessárias”. As pressões surgem por todos os lados: as contas que não param, a complexa criação dos filhos, um relacionamento que parece estar sempre na corda bamba, a alma que vive comprimida entre euforia e desespero; e tudo isso sem ter com quem dividir as cargas. Um dia a gente explode, pira, deixa todo mundo doido ou também desiste, abandona as cenas mais quentes e passa a se conformar com uma coadjuvância preguiçosa, irritante e desanimadora.

Thiago Mendes

Nenhum comentário:

Fuja das facilidades!

Duvide de tudo aquilo que propõe facilidades. Questione o que promete resultado rápido e que não fala de profundos esforços e muita renúncia...