terça-feira, 27 de julho de 2021

No amor me escondo e me curo!

Preciso, como nunca, desenvolver a prudência, o equilíbrio e a paciência. Quero aprender a selecionar melhor as palavras e fazer delas instrumento de alento e edificação a todos que se aproximarem. Tenho, mesmo que lá de vez em quando, os meus tiques de nervosismo e ansiedade – e eles provam o quanto necessito evoluir em espiritualidade, confiança e controle das emoções. Não quero me tornar um puritano proclamador moralidades, mas sei que até para os prazeres existem critérios e que todos os exageros conduzem à loucura. Tenho tentado ser mais seletivo com quem trago à minha tenda, e falado menos sobre meus sonhos e desejos. Meus passos têm sido mais curtos, firmes, cautelosos e estou aprendendo – depois de muitas feridas evitáveis - a protege minhas emoções. E assim no amor me escondo e me curo; e só depois para o amor me revelo.

Thiago Mendes

Nenhum comentário:

Evolução espiritual!

Ajuda-me a errar menos, Senhor. Que eu tenha passos mais equilibrados e que seja capaz de medir, cautelosamente, cada uma das minhas ações a...