quarta-feira, 28 de abril de 2021

Nem só sexo, nem só flores!

Quero seu amor e seu calor. O sorriso, a lágrima e o suor amalgamado ao meu. Desejo sua alma e sua pele; seus olhos e seu olhar. Quero ser seu dono sem perder a estranha sensação de que ainda há algo a ser conquistado aí "dentro". Desejo seu colo despretensioso e suas malícias mais perigosas. Seja a corda bamba em minha travessia, e as almofadas que amortecem a queda. Seja meu abraço,  minha razão e minha loucura. Nem só emoção,  nem só estabilidade.  Nem só sexo,  nem só flores... 

Thiago Mendes

Nenhum comentário:

No amor me escondo e me curo!

Preciso, como nunca, desenvolver a prudência, o equilíbrio e a paciência. Quero aprender a selecionar melhor as palavras e fazer delas instr...