segunda-feira, 12 de março de 2018

Sobre sonho, birra e propósito!


Desistir de sonhos não ajuda a resolver problemas. A desistência é uma saída plausível, mas nunca em razão das dificuldades. Só temos direito de desistir quando “o fim” perde o propósito. Havendo sentido naquilo pelo qual lutamos, devemos ser persistentes até as últimas conseqüências. A questão é que existem coisas que, ao longo da jornada, perderam a importância, mas seguimos relutantes por mera birra. Aí sim, o melhor que temos a fazer é gritar aliviados: “EU DESISTO!” Sem sofrimento, sem perda, sem danos. A vida muda e, com ela, mudam também as nossas prioridades. Dica de hoje: concentre as suas energias naquilo que realmente vale a pena para o seu “agora”.

Thiago Mendes



Nenhum comentário: