terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Sobre a mulher que ficou nua e dançou com Deus!


O texto que segue foi retirado do meu livro “As coisas que a vida esqueceu de me ensinar". Diz: Fiquei de frente para o lago completamente quieto à minha frente. Ele estava calmo, sereno como a alma de alguém que está em prece. A Lua lá no alto era minha única testemunha naquele momento. Desci as alças do meu vestido, fechei os olhos e caminhei rumo à água. Senti o frio nos meus pés, depois subindo – a cada passo – pelas minhas pernas, abri os braços e senti o frio da água que alcançou o meu corpo e inundou também os porões da minha alma. Os carros passavam sobre a ponte, mas estavam apressados, ocupados demais para ver. Existia uma cidade com milhões de pessoas à minha volta, mas só eu era livre o bastante para ficar nua, sentir o frio da água e permitir que ele chegasse à minha alma. Ele chegou. “Convide Deus para dançar”, uma voz me disse. Ainda com os meus olhos fechados deixei a água me tomar e dancei. A única música era a de uma cidade ocupada demais para ser feliz. A orquestra era o barulho do silêncio que o vento trazia para visitar o lago. Os instrumentos, cada carro, cada rádio solitário, cada violão em um canto e outro, tudo criava uma harmonia perfeita para uma dança perfeita. Senti-me tão sozinha que pude perceber a presença do único parceiro que me havia feito dançar. Sim, naquele momento eu dancei com Deus e tudo mudou em minha vida. 

Thiago Mendes


Diário de um Soldado, edição: 03/12/13 - terça-feira. Adquira o livro pela página oficial do autor: www.facebook.com/thiagomendesbrasil

Nenhum comentário: