segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Sobre Du-Chan e seus guerreiros!


Na China, conta-se a história de um guerreiro chamado Du-Chan. 
Não se sabe direito quando viveu, mas dizem que foi o maior guerreiro de seu tempo. “Du-Chan não tem medo, por isso o seguimos”, gabavam alguns de seus discípulos. “Eu o sigo por ser o melhor guerreiro de todo o Oriente”, responde outro. “Nunca deixarei nosso mestre porque ele tem as palavras mais sábias do mundo”, dizia ainda outro. Du-Chan sempre tinha a mesma resposta quando ouvia seus companheiros justificarem o porquê de estarem ali: “Vocês não estão aqui por minha causa, mas pela causa de si mesmos. Querem usar a minha coragem para esconder o vosso medo, minha bravura para justificar a sua ineficiência, minhas palavras para cobrir a vossa tolice. Nunca poderei lhes ensinar tudo que sei, pois me tornaria desnecessário e seria expulso do vosso meio. Se vocês me amassem, certamente teriam uma justificativa melhor para me seguir. Mas pelo jeito só amam a si mesmos, e gente assim não merece honra”. 

Thiago Mendes

Nenhum comentário: