quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Sobre a loja de Deus!

Dizem que certa mulher caminhava por um shopping center quando viu uma loja diferente, devia ser nova ali. Ao entrar, levou um susto: Deus, em pessoa, estava atenden­do no balcão, diz a estória. “Pode pedir o que quiser”, disse Deus. Depois de pensar um momento, ela virou-se para o Altíssimo: “Quero ser feliz”, disse.  “Quero paz, dinheiro, capacidade de ser compreendida. E quero ir para o céu quando morrer”. Segundo dizem, a mulher achou que estava sendo egoísta, e resolveu incluir os outros nos pedidos “Ah, eu quero também que tudo isto seja concedido aos meus amigos”. Deus abriu alguns potes que estavam na prateleira atrás dele, tirou vários grãos de dentro, e estendeu para a mulher. “Aí estão as sementes”, disse. “Aqui nós não vendemos os frutos”.
Thiago Mendes

Nenhum comentário: