quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Sobre o amigo que disse o que eu precisava ouvir!


Quando eu disse: “Meus sonhos acabaram, não sei mais o que fazer”. Ele respondeu: “Volte a dormir, os sonhos voltarão e amanhã terá a chance de realiza-los!” Quando eu disse: “Estou com medo”. Meu amigo me abraçou e disse: “Estamos juntos e é assim que iremos superar este momento”. Quando tive fome e murmurei necessidades meu amigo permaneceu ali: “Tome a metade do meu pão. Vamos comer e esperar”. Quando senti que a minha fé estava abalada... “Você se lembra de tudo que já enfrentamos e vencemos no passado?”, perguntou. Sim, eu me lembrava e não era necessário ouvir mais nada. Quando imaginei que a vida era mais difícil para mim do que para todas as demais pessoas do mundo, meu amigo me advertiu. “Não permita que suas necessidades te ceguem para as necessidades dos demais”. Aquela lição veio em uma boa hora, antes que eu estivesse totalmente mergulhado em meus egoísmos.  Foi aí que descobri que um amigo verdadeiro vale mais do que mil tesouros.

Thiago Mendes

Nenhum comentário: