domingo, 2 de outubro de 2011

Sobre o mestre, o chá e alguns biscoitinhos!

O Sol nem havia surgido de entre as montanhas e o velho sábio já estava terminando de fazer o chá. O jovem aprendiz está de pé na porta e observa o mestre. “Já estou aqui há três meses. Quando começaremos nossas aulas?”, quis saber o aluno aparentemente indignado. O mestre já havia ensinado sobre os segredos do Caminho Sagrado a centenas de outros jovens como aquele. De entre aquelas montanhas saíram verdadeiros mestres. Seu prestígio era reconhecido em toda a redondeza. Não precisava provar o seu valor a ninguém. Ele não se defende. Pega o chá bem quente, coloca num caneco e entrega ao rapaz já impaciente. Em seguida serve alguns biscoitos que acabara de assar e entrega ao jovem que não diz nada. “Há três meses”, começa o velho. “Estou me levantando de madrugada para fazer chá. Há três meses sirvo em suas mãos. Há três meses estou tentando fazer com que você entenda nossa primeira aula e ainda não aprendeu. No dia em que eu me levantar e o chá estiver pronto, os biscoitos assados e eu for servido, acredite, passaremos para a próxima lição”. O jovem abaixa a cabeça, abraça o mestre e pede perdão. Não adianta admirar bons exemplos, precisamos ter coragem para segui-los.

Aprendendo,

Thiago Mendes

Nenhum comentário: