quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Nascemos para ser...




Deus nos criou para ser repletos da imagem e da semelhança amorosa dEle. Não há nada tão parecido com Deus como o amor. Quando estamos cheio de amor, estamos cheios de Deus – cheios de semelhança com ele.
Sendo assim, então sejamos. Ser é mais importante que ter. Vamos ser mais atenciosos, mais espertos, prudentes, mais humanos e humildes. Sejamos mais observadores da vida para valorizá-la mais. Sem medo: SEJA!


Abraço Fraterno.

Thiago Mendes

Nenhum comentário:

A sutileza!

Não é ‘‘no braço’’, é no abraço. Não é a força do golpe, mas a habilidade de bater sem abater. Quando alguém precisa gritar pra ser ouvido,...